NHT vira BRAVA

NHT vira BRAVA

  • A ssim que receber a liberação da ANAC, a NHT Linhas Aéreas passa a se chamar BRAVA. O novo nome vem na esteira da troca de comando na empresa. A gaúcha NHT foi comprada pelo grupo catarinense Acauã em maio, e os novos proprietários preparam a expansão da companhia aérea regional, fundada em 2006.
Uma das novidades é ampliação da frota com o turboélice EMB-120, conhecido como Brasília, com capacidade para 30 passageiros. Serão 10 até o fim de 2013. Atualmente, a frota da companhia é formada por quatro Let-410, para 19 passageiros. Os 14 destinos de hoje serão atendidos de forma mais ágil, porque o Brasília, fabricado pela Embraer, voa a 550 km/h, quase o dobro dos 300 km/h alcançados pelo Let-410, da República Checa.
         Nas ligações no Estado, até o fim do ano a companhia retoma o voo para Santa Rosa. E Rio Grande, com três operações diárias, passará a ter mais uma. Conforme o diretor de Planejamento, Jeffrey Kerr, em fevereiro a empresa receberá dois direitos de operação no aeroporto de Guarulhos (SP). A ideia é fazer ligações de cidades do interior para São Paulo. Uma delas poderia ser Santa Maria-Lages-Guarulhos, adianta o executivo.


03 de Dezembro de 2012

OK
Escola de Aviação e Idiomas Salgado Filho
Rua Conceição, 642 - Centro - São Leopoldo/RS
Tel: (51) 3590.1998 / (51) 992990827
salgadofilho@salgadofilho.com
Entre em Contato